Agenda

Dezembro 2017
S T Q Q S S D
27 28 29 30 1 2 3
4 5 6 7 8 9 10
11 12 13 14 15 16 17
18 19 20 21 22 23 24
25 26 27 28 29 30 31

Seja Voluntário

Media

Artigos

Visitas ao Site

mod_vvisit_countermod_vvisit_countermod_vvisit_countermod_vvisit_countermod_vvisit_countermod_vvisit_countermod_vvisit_counter
mod_vvisit_counterHoje211
mod_vvisit_counterOntem3735
mod_vvisit_counterEsta Semana18314
mod_vvisit_counterEste Mês53050
mod_vvisit_counterTOTAL410308

descanso

A vida corre a passo acelerado e exaustivo! A insónia é um problema com proporções epidémicas! Milhões de pessoas tomam sedativos e tranquilizantes, procurando, desesperadamente, aquele descanso... que restaure as suas energias.

Porque me sinto cansado?

O cansaço pode ser o resultado de doença, como uma constipação, uma gripe, ou outros problemas mais graves. No entanto, a maior parte das pessoas que se sentem cansadas, sentem-se assim por
descansarem pouco! Na sociedade em que vivemos, poucas pessoas começam o dia sem recorrerem a estes “motores de arranque” – café, chá, refrigerantes com cafeína e outras substâncias.

E o que dizer do cansaço crónico?
A falta de descanso, especialmente do sono, é
acumulativa. Um exemplo: se alguém que necessita de 7 horas de sono por dia para se manter bem, só dorme 6 horas, fica com um défice mínimo de 1 hora de sono por dia. Ao fim de uma semana, o défice é de 7 horas, equivalente a uma noite de sono! As consequências são significativas; para além do cansaço e da falta de energia, há também um aumento da irritabilidade – os “nervos” estão à flor da pele. Todas as actividades requerem mais esforço físico e de concentração, até que, por fim, a tarefa mais simples parece ter um peso esmagador. O cansaço reduz a criatividade, o bom senso e a eficiência. E, se não for aliviado, o cansaço pode culminar em exaustão, depressão e em outros problemas psíquicos.

Porque é o descanso tão importante?
- Promove a
regeneração do corpo. Os produtos residuais são removidos, os tecidos são renovados e a energia restaurada.
- Ajuda a
curar
ferimentos, infecções e outros danos que o corpo tenha sofrido, incluindo os causados pelo stresse e traumas emocionais.
-
Fortalece
o sistema imunitário, ajudando a proteger de doenças.
- Pode contribuir para um
aumento
da longevidade.

Quanto tempo deveria passar a dormir por dia?

As necessidades de sono variam com a
idade. Os bebés recém-nascidos precisam de 16 a 20 horas de sono por dia, enquanto que as crianças pequenas precisam de 10 a 12 horas. Os adultos variam muito nas suas necessidades, mas a maioria necessita de 7 a 8 horas de sono por noite.

Será que o sono é a única forma de descanso?

É muito importante haver uma mudança nas actividade regulares do dia-a-dia. Durante a II Grande Guerra, a Grã Bretanha instituiu uma semana de
74 horas de trabalho, mas depressa constatou que as pessoas não conseguiam manter esse ritmo. Depois de várias experiências, chegou-se à conclusão de que uma semana de trabalho de 48 horas, com intervalos regulares, e um dia de descanso semanal, proporcionava a maior eficiência. Hoje, o número médio de horas de trabalho, em Portugal, é de 40 horas. A sociedade também reconhece a necessidade de outros intervalos regulares. O fim-de-semana longo (Sábado e Domingo) é agora instituído na maioria dos países.

Durante estes períodos de intervalo, é importante que não se sente durante horas à frente da televisão ou do computador!
Reúna-se com a sua
família ou com os amigos. Pratique desporto ou caminhe a pé. Leia bons livros! Por fim, as férias anuais também provaram o seu valor, mas a sua duração varia de país para país. Em Portugal, a média é de 1 mês por ano. Nos Estados Unidos, situa-se entre duas a três semanas por ano, dependendo da congeneridade do trabalhador.
Não é certamente sem razão que um dos Dez Mandamentos que Deus deu ao homem lhe manda descansar um dia na semana.

E o que dizer da medicação para dormir? Ajuda a descansar?

Durante o sono normal, o corpo passa por
ciclos de períodos de sono mais leve e mais profundo. Estes ciclos são normais e muito importantes. Durante o sono mais leve, têm lugar os sonhos que aparentemente proporcionam um escape natural às pressões do dia-a-dia. O sono medicado, embora proporcione um bem-vindo estado de inconsciência, anula esse estágio do sonho. E, embora as pessoas pensem que tiveram um sono profundo, é possível que, no dia seguinte, não se sintam repousadas e com energia.

Em situações de emergência, os medicamentos que promovem o sono podem ser benéficos; no entanto, se forem usados de forma contínua, podem contribuir para a fadiga crónica. É importante identificar e tratar as causas da falta de sono. O uso do álcool como promotor do sono não é aconselhado, pois aumenta o risco de alterações de comportamento e de outros problemas de saúde. Para além disto, o sono induzido pelo álcool não é tão restaurador como o sono natural.

Como posso dormir melhor?

- Faça intervalos regulares durante o dia de trabalho. Ande um pouco, beba um copo de água e respire fundo.
- Faça, diariamente, 30 a 60 minutos de exercício físico. O exercício relaxa, restaura as energias, ajuda a tratar a depressão e combate a ansiedade.
- Tanto quanto possível, mantenha um horário regular para se deitar, para se levantar, para comer e para fazer exercício. O corpo revigora-se com a regularidade na vida.
- Faça a refeição da noite pelo menos 4 horas antes de se deitar. Um estômago vazio e em descanso promove um sono de qualidade.
- Tome um banho de imersão antes de se deitar. É uma técnica de relaxamento eficaz.
- Valorize as coisas boas. Encha a sua mente de gratidão e pratique o bem.
Uma consciência tranquila e uma mente cheia de gratidão são como almofadas que promovem um sono tranquilo.

Insónia
A maior parte das pessoas, ao longo da vida, têm períodos em que sentem dificuldade em adormecer. As quatro razões principais para este problema são: o stresse emocional, a cafeína, a falta de exercício e as grandes refeições à noite. Felizmente, todas elas podem ser controladas.
A
cafeína, ingrediente do café, do chá preto e de muitos refrigerantes, actua inicialmente como estimulante, mas, após algum tempo, deprime o sistema nervoso. O seu consumo deve ser eliminado.
O
stresse emocional também pode ser reduzido, lidando com os problemas que o perturbam, logo de manhã cedo, enquanto está descansado. Não espere pela hora de deitar para pensar nos problemas. Por vezes é necessário pedir auxílio a alguém – amigos, familiares, profissionais de saúde e outros.
Um
programa de exercício regular pode ser o melhor remédio para assegurar uma boa noite de descanso. Reduz o stresse e proporciona um cansaço físico agradável, que o ajuda a dormir mais profundamente.

Dormir o suficiente
Para muitos, o problema não é adormecer –
é arranjar tempo para dormir. Uma agenda demasiado preenchida, condimentada por bebidas fortes, prolonga-se pelas horas reservadas ao sono.
O seu corpo é o bem mais precioso! Não dormir pode ser uma tentação, mas, a longo prazo, é contraprodutivo. Uma ilustração de Stephen Covey, tirada do seu livro The Seven Habits of Highly Effective People (Os Sete Hábitos de Pessoas Altamente Eficientes) ilustra este ponto:“Imagine que caminha por uma mata quando encontra um homem exausto a tentar ansiosamente serrar uma árvore. Diz que está a serrar a mesma árvore há mais de cinco horas. O seu serrote já pouco corta!
– Porque é que não faz um intervalo durante uns minutos para afiar esse serrote? – pergunta-lhe. – Vai cortar muito mais depressa.
– Não tenho tempo para isso,” responde ele sem fôlego. “Estou demasiado ocupado a serrar.”

Saúde&Lar, Março 2006

Nutrição

nutriçao

  

Exercício

exercicio

  

Água

Água

  

Sol

Sol

 

Temperança

temperança

 

Ar

Ar

 

Descanso

Descanso

 

Confiança

Confiança

 
RocketTheme Joomla Templates